Sepultura

Letra de Septic Schizo

Letras de Sepultura

"Septic Schizo"

Na hora da minha última dor
Eu gritarei, assim poderei fugir
O que vejo na minha frente
É somente a reflexão da minha insanidade?

Lançando-me ao presente
Sozinho quase em desespero
Minha cabeça se lança contra a parede
Fazendo meu sangue fluir livre de mim
Nascer novamente, será um triste destino
Buscar a morte quando ela está dentro de mim
Eu vomito tentando colocá-la para fora
Eu tento dormir sentando no chão frio

Lembranças do passado
Repugnância do presente
Medo do futuro
Infecção esquizofrênica

Manchado por sangue no rosto
Eu vejo que minha vida
Passa diante de mim
Como um velho filme
Não sinto orgulho de qualquer
Coisa que tenha feito
Eu me desprezo com angústia

Meus nervos
Estão à flor da pele
Dentro minha pele queima
Eu finco
Meu dedão do pé no solo
Eu quero desistir
Mas não quero
Entrar em outro lugar

Estou marcado e ferido
A decadência
De meus pensamentos
O cheiro podre em minha pele
O corpo frio
Atirado e esquecido
Eu posso ver coisas
Mas sou cegado pelo mundo...