Moacyr Franco

Letra de Doente De Saudade (je Suis Malade)

Letras de Moacyr Franco

"Doente De Saudade (je Suis Malade)"

Já não penso mais
Já não erro mais
Já não gosto mais de mim
Já esqueci a bossa
Me perdi na fossa
Já virei notícia
Em qualquer pasquim
O meu orgulho
Está no embrulho
Que você levou
Pra que
E agora espalha
Que malha, que malha
Minha rede se partiu
Não prendo mais
Fiquei doente
Doente de saudade
Eu via e não sabia olhar
Deixei o desespero vir
E me abraçar
Estou doente
Doente de saudade
Não soube nem mesmo implorar
Enquanto você se afastava
Num beijo a ouvir
Te deixava solidão

E no dia azul
Eu rumei pro sul
Na ânsia de... sei lá
Perguntei por que?
Só achei você
Nos momentos bons e tudo
Que eu vi por lá
Olha eu nem bebi
Aqui e ali
Agora aqui é tudo igual
Meu caso é sair
Mas como sair?
Se eu não sei mais
Pra onde ir
Pra não voltar

Fique doente
Doente de saudade
Tão velha que
Esqueceu a idade
E tão jovem que me faz seguir
Vou refugir estou doente
Um tolo sem maldade
Investe o que não dá canção
Um tolo que é só coração
Cansado como o pôr do sol
Cansado de te esquecer
Estou doente