Moacyr Franco

Letra de Amores Errados

Letras de Moacyr Franco

"Amores Errados"

Num rio de águas claras
Um velho e pobre homem estanca
Depois de tantos anos negros
Veio a pedra branca

Também te encontraria nunca
Sem o que vocês me deram
Amores errados
Aqueles que chegavam tristes e calados
Amores passados
Se entregavam e choravam
Para que eu sorrise

Antigos pecados
Que após o meu prazer na noite
Eu esquecia
Amores errados, obrigado
Se eu fosse sozinho
Não tinha o caminho certo desse amor

O dia claro assusta
Quem saiu da noite escura
Estranho as minhas mãos
Tocando a sua mão tão pura

Porém te encontraria nunca