Natiruts

Letra de Deixa O Menino Jogar

Letras de Natiruts

"Deixa O Menino Jogar"

O valor de um amor não se pode comprar
Onde estará a fonte que esconde a vida?
Raio de sol nascente brotando a semente
Os anos passam sem parar e não vemos uma solução
Só vemos promessas de um futuro que não passa de ilusão
E a esperança do povo vem da humildade de seus corações
Que jogam suas vidas, seu destino, nas garras de famintos leões

Deixa o menino jogar ô iaiá
Deixa o menino jogar ô iaiá
Deixa o menino aprender ô iaiá
Que a saúde do povo daqui é o medo dos homens de lá
Sabedoria do povo daqui é o medo dos homens de lá
A consciência do povo daqui é o medo dos homens de lá

O valor de um amor não se pode comprar
Onde estará a fonte que esconde a vida?
Raio de sol nascente brotando a semente
Sinhá, me diz, por que é que o menino chorou
Quando chegou em casa e num canto escuro encontrou
A sua princesa e o moleque fruto desse amor
Chorando de fome sem saber quem o escravizou?

Deixa o menino jogar ô iaiá
Deixa o menino jogar ô iaiá
Deixa o menino aprender ô iaiá
Que a saúde do povo daqui é o medo dos homens de lá
A consciência do povo daqui é o medo dos homens de lá
Sabedoria do povo daqui é o medo dos homens de lá
Yeahhh
CONTINUAR